tecnologia e saúde

Tecnologia e saúde: quais os principais impactos na área de saúde?

Não é novidade que a relação entre tecnologia e saúde está cada vez mais próxima. Com os constantes avanços na medicina aliados ao desenvolvimento tecnológico, a migração para processos rápidos e digitalizados é um movimento natural do setor de saúde.

Isso porque, mais do que aperfeiçoar os métodos de trabalho dos profissionais de saúde, a modernização da clínica por meio da tecnologia veio para possibilitar um melhor tratamento ao paciente, oferecendo diagnóstico rápido e preciso, tratamento de qualidade e, ainda, formas que possibilitam uma interação mais ágil entre clínica e paciente.

Quer entender mais sobre esse assunto? Leia este post até o final! Vamos abordar quais os principais impactos da tecnologia na área da saúde, destacando a saúde preventiva, o tratamento dos pacientes e também a gestão financeira da clínica. Confira!

Saúde preventiva

O uso de recursos tecnológicos possibilita que os exames sejam mais simples de serem feitos ao mesmo tempo que ofereçam resultados mais precisos e seguros. Graças ao avanço nessa área, a confiabilidade dos resultados obtidos nessa fase melhora muito, o que consequentemente reduz a chance de erros ou imprecisões.

Com tais melhorias no diagnóstico, é possível que sejam escolhidos os melhores tratamentos para cada tipo de necessidade do paciente. Dessa maneira, é possível também entender a patologia antes do seu agravamento, prevenindo doenças e até mesmo iniciando o tratamento nos estágios mais iniciais.

A tomografia computadorizada, a ressonância magnética e o PET- CT (Tomografia por Emissão de Pósitrons), por exemplo, são avanços da tecnologia na saúde que possibilitam diagnósticos mais precisos, sem a necessidade de exames invasivos, agressivos ou até dolorosos ao paciente.

Nesse sentido, é possível afirmar que o avanço na ciência e o uso de recursos modernos permite identificar tumores em fases iniciais ou outras patologias que demoram a demonstrar sintomas, facilitando o tratamento e aumentando a sua possibilidade de sucesso. Além disso, com exames direcionados, o médico pode localizar a posição exata de células cancerígenas ou tumores, facilitando a tomada de decisão.

Tratamento de pacientes

Se a tecnologia ajuda na saúde preventiva, não há dúvidas da sua relevância para o tratamento de patologias. Hoje os equipamentos médicos utilizados são avançados e também podem realizar procedimentos cada vez mais rápidos e precisos. Além disso, já existem recursos capazes de fazer com que o médico enxergue o corpo humano de forma nítida em três dimensões, fazendo com que os procedimentos sejam realizados no ponto exato.

As imagens em 3D e a realidade aumentada já estão sendo usados nos Estados Unidos e permitem ao profissional analisar regiões de difícil acesso, como o cérebro e os olhos. Outras tecnologias como a impressora em 3D permitem a fabricação de dispositivos sintéticos capazes de substituir ossos e articulaçõesSem falar dos robôs que já são capazes de realizar cirurgias de alta complexidade com precisão.

Quem também é beneficiado pela relação estabelecida entre tecnologia e saúde são os pacientes que podem estar cada vez mais conectados com as plataformas, dispositivos e outras formas de cuidar da saúde digitalmente. O uso dessas ferramentas permite maior contribuição nas ações preventivas assim como a criação de mais confiança no tratamento prescrito.

Existem também dispositivos conhecidos como wearables que são vestíveis e medem uma série de sinais vitais ao longo do dia como frequência cardíaca, qualidade do sono, pressão arterial e que possibilitam ao médico acompanhar a evolução do tratamento e prever possíveis complicações.

Além disso, a evolução dos meios digitais de comunicação possibilitou mais interação entre médico e paciente. Dessa forma, sempre que for preciso, o paciente pode acionar o profissional para tirar uma dúvida ou informar sobre qualquer alteração que seu quadro tenha sofrido, agilizando a tomada de decisão e evitando complicações.

Gestão de clínicas

Outro impacto do uso da tecnologia na área de saúde está na gestão de clínicas. A tecnologia, nesse caso, age como um recurso que tem benefício indireto aos pacientes, pois torna os processos da clínica mais eficientes e rápidos.

A digitalização dos procedimentos e o uso de um software de gestão que facilita a organização das finanças, do agendamento e da administração geral do estabelecimento permitem que os profissionais destinem sua atenção ao paciente, deixando-o mais satisfeito e bem atendido.

De uma forma geral, esses sistemas de gestão ajudam os médicos a gerir suas clínicas e consultórios, oferecendo mais qualidade e transparência ao serviço. Além disso, com o uso dessa tecnologia, há uma maior organização e otimização de tarefas administrativas e foco maior no relacionamento humano.

Ademais, podemos citar ainda como vantagens relevantes do uso da tecnologia na gestão de clínicas médicas os seguintes pontos:

  • prontuários eletrônicos que permitem acesso às informações do paciente em qualquer lugar, sem a necessidade de estar na clínica;
  • armazenamento em nuvem que evita a perda ou roubo de informações do paciente em arquivos de papel ou softwares de computadores;
  • redução da burocracia e, consequentemente, de arquivo físico a ser armazenado;
  • agendamento online que dá autonomia para o próprio paciente encontrar o horário ideal para o atendimento;
  • redução do tempo que os recepcionistas gastam atendendo ao telefone, permitindo que eles se dediquem à qualidade dos serviços prestados aos pacientes que estão na sala de espera;
  • serviço de mensagens para avisar o paciente do horário marcado, evitando ausências;
  • gerenciamento do fluxo de caixa e controle dos recursos financeiros;
  • acesso ao Big Data da saúde, que é uma rede de dados contendo informações sobre patologias e tratamento;
  • melhor gerenciamento do negócio devido a processos mais ágeis e menos burocráticos.

Ao final deste post, você deve ter percebido que é impossível estar apático diante da importância da relação entre tecnologia e saúde. Com a adoção de tecnologias para saúde preventiva, tratamentos de doenças e gestão financeira, os pacientes terão acesso a um serviço de mais qualidade no momento de necessidade e sua clínica será mais reconhecida como referência na área.

Se você deseja entender mais sobre softwares especializados em gestão de uma clínica, entre em contato conosco. Aqui, poderemos tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e mostrar ainda mais vantagens da adoção de um sistema de gerenciamento para seu empreendimento de saúde.

Responder

*

Next ArticlePor que a agenda eletrônica em consultório médico é fundamental?